domingo, 13 de julho de 2008

A PRÁTICA DA DEUSA TARA VERDE 4



A PRÁTICA DA DEUSA TARA VERDE

Por

H.E. Chogye Trichen Rinpoche

Benefícios especiais Conferidos por Mãe Tara e suas Deusas




É dito que a prática de Tara tem muitos poderes extraordinários, diferentes bênçãos, e é particularmente efetiva em uma variedade larga de situações. Por exemplo, é dito que ao término de um aeon ou ciclo de tempo, quando sofrimentos e calamidades puderem aumentar, o mantra e rituais de puja de Tara são muito essenciais. Qualquer um pode recitar as orações de Tara que traz grande benefício.
Como contamos mais cedo, em uma era anterior ao começo de nosso aeon, o Buddha Mahavairochana era o Guru, o guia espiritual, de Tara. Buddha Vairochana abençoou Tara e profetizou a ela que ao término do aeon, nessas terras e mundos onde são recitados pujas, orações, e rituais de Tara, como resultado dessas orações, as muitas doenças, dificuldades, e perturbações causadas por espíritos e por seres humanos seriam pacificados e seriam solucionados. Eu sinto que a prática de Tara é a mais importante e essencial de todas as práticas em tal tempo.
Outras deusas também são muito útil nesta consideração como Marichi, ou Ozer Jemma, e a deusa famosa de cura espiritual, Parna Shawari. As orações delas e mantras trazem o mesmo poder e benefícios como os de Tara. Elas são basicamente a mesma deusa Prajnaparamita, em manifestações diferentes.
De Tara é dito que não só doenças e perturbações causadas por espíritos, mas também lutas podem ser pacificados, guerras, conflitos e argumentos podem ser solucionados pelo poder da prática dela. Podem ser removidas todos os tais obstáculos e dificuldades relacionadas pela bênção das orações e mantras destas deusas.
Ozer Jemma e Parna Shawari como também Yudon Drolma, são formas particularmente efetivas da deusa para praticar em ordem de proteger contra e curar todos os tipos de doenças. Elas são especialmente importantes para proteger contra os ladrões e criminosos, e curar o sofrimento causado por discussão e conflito.
É dito que estes rituais de oração de puja e recitações de mantra são particularmente importantes quando nós nos acabarmos. Para tal tempo, a prática de Guru Rinpoche é recomendada amplamente, mas Tara, Ozer Jemma, e Parna Shawari também são extremamente importantes.
Em tempos de ameaça de guerras, epidemias, discussão, e assim por diante, é muito importante que os mantras destas três deusas sejam posto em bandeiras de oração e pendurados no ar, até as pessoas pode fazer isto. As pessoas de todos as ruas na vida deveriam fazer isto e deveriam dizer estes mantras tanto como possível. Junto com as orações de Guru Rinpoche, estas práticas são as mais efetivas em tal tempo e situações como o de que nós estamos falando. Isto foi declarado em muitos escrituras.
Quem oferece elogio a Tara é verdadeiramente inteligente. Se de manhã cedo ou tarde à noite, a pessoa oferece o elogio às vinte e uma Taras, como oferecer duas, três, e então sete repetições da oração, somando doze recitações do elogio às vinte e uma Taras, todos os seus desejos podem ser cumpridos. Isto é como está em "A Lâmpada Sagrada que Ilumina o Ritual de Quatro Mandalas de Tara". Neste puja a pessoa repete o elogio duas vezes, depois três vezes, depois sete vezes.
Quando é dito que todos os desejos da pessoa serão cumpridos, significa que se você precisar de um filho, você adquirirá um. Se você tiver necessidades financeiras, isto será conseguido. Tudo que desejar você terá, tudo pode ser cumpridos por elogio a Tara. De fato, a pessoa não precisa mais que esta prática; realiza tudo!
Você só precisa experimentar isto, testar isto para acalmar seus obstáculos. Todos seus obstáculos e dificuldades, por muitos que forem, todos serão removidos e aliviados por oferecer elogio à Tara. Por rezar a Tara, todos os obstáculos potenciais serão impotentes de causar dano; eles são pacificados naturalmente. Nada pode atingir a você ou pode prejudicar você de qualquer forma; você fica impenetrável, inexpugnável.
Não há nenhuma dúvida que Tara é muito rápida acalmando obstáculos. É um método especialmente íntimo e rápido para praticantes femininos. Tara e o Buddha Vajrayogini feminino são da mesma essência; Vajrayogini também é um método rápido de ganhar realização. São encarnadas de todas as atividades do Buddhas em Tara, contidas nela, completas nela.
Você foi autorizado para meditar em você na forma de Tara Verde agora. Sua fala pode ser transformada em mantra, seus pensamentos em sabedoria. Você não é mais nenhum ser ordinário; seu corpo, fala, e mente foram completamente transformados no estado exaltado da própria Tara, na forma, mantra, e sabedoria de Tara.
As palavras do elogio para as vinte e uma Taras não são a composição intelectual de praticantes. Eles são falados diretamente por Buddha Mahavairochana e Buddha Shakyamuni eles próprios. Por favor recite o elogio a Tara tantas vezes quanto você for capaz no curso de sua vida cotidiana. Se você for a qualquer hora incapaz de recitar o elogio, tente recitar o mantra de Tara, OM TARA TUTTARE TURE SVAHA.
Pelo menos no mínimo, pode recitar você "Tara, Tara, Tara", ou você pode dizer "Tara, Tara, Tare", repetindo o nome dela. Quando você convoca alguém pelo nome, eles não lhe prestam a atenção? Chamando Tara através de nome, ela o ouvirá certamente e responderá. Não faça isto porque eu digo assim, mas por todos os meios, faça-o!
Traduzido por Lama Choedak Yuthok Compiled e editado por John Deweese
NOTAS: (1) São bem conhecidas outras versões de histórias semelhantes de uma princesa nobre com aspirações abnegadas de Bodhisattva. Por exemplo, Taranatha menciona a história do Buddha Dundubhisvara e da princesa Yeshe Dawa ou "Lua de Sabedoria". A Princesa Lua de Sabedoria acumulou vastos méritos, e foi aconselhada por alguns monges para rezar para nascer como um homem. Em resposta, ela jurou trabalhar para o benefício dos seres sensíveis, sempre no corpo de uma mulher, até que o samsara seja esvaziado.
(O Lama Choedak recomenda o livro, " O Culto de Tara " por Stephen Beyer. Também notável é "Em Elogio de Tara" por Martin Wilson, publicado por Wisdom Publications, e "Tara: o Divino Feminino", por Bokar Rinpoche.)

Um comentário:

david moreira disse...

OLA AMIGOS A PRATICA DA NOBRE DEUSA TARA ELA ME AJUDOU MUITO EM UM MOMENTO DE SUMA NECESSIDADE EM SUA HOMENAGEM E DEVOÇÃO FAREI UM VOTO A ELA